ANPEC 1994 - Q15

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

ANPEC 1994 - Q15

Mensagem por temujin em Qui Jun 27, 2013 7:02 pm

Suponha que existam 2N + 1 indivíduos, sendo que N deles possuem como dotação uma unidade do bem A e os restantes N + 1 possuem uma unidade do bem B. Ambos os bens são indivisíveis. Todos os indivíduos possuem igual função utilidade dada por U = Min{A,B}, em que A e B representam as unidades dos dois bens, respectivamente, e Min o mínimo entre as duas quantidades. Então:

(0) A dotação inicial é em cima da curva de contrato.

F. Podemos escrever as dotações na forma dos vetores A = N(1,0) e B = N+1(0,1). Assim,

UA = Min{1,0} = 0, UB = Min{0,1}.

Se houver trocas,

UA = Min{1,1} = 1 , UB = Min{1,1} = 1

Portanto, a dotação inicial não pode ser Pareto eficiente.


(1) Existem apenas N alocações que representam ótimos de Pareto.

scratch

(2) É possível melhorar o bem estar de alguns indivíduos, sem prejudicar o dos outros, apenas redistribuindo a dotação inicial.

V. Pelo item (0), sabemos que a dotação inicial não é Pareto-eficiente.

(3) Existe(m) forma(s) de redistribuição da dotação inicial que leva(m) a uma perda de bem estar para um dos indivíduos.

F. Com a dotação inicial, UA=UB=0
avatar
temujin

Mensagens : 397
Data de inscrição : 10/03/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum